Rakuten Brasil: A solução pode estar na migração de plataforma

23 de MAR, 2020 por Pablo Ribeiro

Neste artigo, você entenderá o caso da Rakuten Brasil e saberá o que fazer caso a sua plataforma deixe de operar.

Imagine a seguinte situação: você escolhe uma plataforma de e-commerce com todo o cuidado para começar a vender on-line. Devido às dificuldades financeiras (principalmente por dever aos varejistas), a empresa responsável por ela é vendida para outra. E aí, a verdade aparece: a dívida era muito maior que o esperado e um colapso financeiro acontece. Nesse cenário, a operadora responsável pelas transações financeiras dos clientes dessa empresa tenta negociar uma nova taxa e, diante da recusa, interrompe as transações. Nenhuma nova compra pode ser efetuada no seu e-commerce. O que fazer para não sair no prejuízo com tanto contratempo?

Parece história de terror, mas aconteceu de verdade. Esse é o drama vivido pelos clientes da Rakuten Brasil. Com uma busca simples no Google, você encontra depoimentos de varejistas que ficaram sem respostas e sem rumo depois que a Rakuten foi vendida para a GenComm. 

Migração: Quando é preciso trocar de plataforma?

Em casos como esse da Rakuten, pode ser necessário entrar com uma ação judicial para reaver os prejuízos. Enquanto a burocracia acontece na justiça, o lojista precisa garantir que novos pedidos poderão ser fechados na loja virtual. É aí que começa o processo de migração.

Migrar de plataforma significa deixar de operar na plataforma que você escolheu e passar para outra, porém sem perder tanto da autoridade que a sua loja já conquistou. E quando falamos de autoridade, estamos falando de SEO e da posição que o seu e-commerce ocupa no ranking de resultados de busca para uma determinada palavra-chave. Não é pouca coisa!

Já falamos aqui no blog sobre migração. É um processo, de fato. Muitas etapas são necessárias para que a mudança ocorra sem grandes perdas, sem muita demora e, principalmente, sem que seus clientes percebam que algo mudou e se sinta inseguro na hora de comprar. 

A migração feita por especialistas, em situações como essa, é um investimento em seu e-commerce. Recomendamos que você não tente migrar seu site de plataforma sem ajuda, se você não tem experiência com esse tipo de prática.

Qual plataforma escolher?

Tomar uma decisão sobre a primeira plataforma é difícil, mas fazer isso pela segunda vez não costuma ser muito diferente. Depois de uma grande decepção e de entender como elas podem doer no bolso, ficamos ainda mais receosos. Tivemos essa conversa recentemente, quando a X-Tech anunciou o fim de suas operações. A essa altura, já conseguimos ver o que funciona e o que não funciona.

Hoje, sem sombra de dúvidas, a melhor opção de plataforma de e-commerce é a VTEX. Não somos nós que estamos dizendo, são números. Só na última Black Friday, essa plataforma deu conta de picos de 987 pedidos por minuto, 1.033.625 ao todo. É uma opção para quem quer dar a sua loja virtual o máximo de potencial.

Somos especialistas em VTEX e podemos te ajudar na migração. Vamos juntos?

Divulgue esse Artigo

Deixe sua resposta